Connect with us

Anápolis

Prefeitura: “Atividades econômicas em Anápolis seguem seu funcionamento normal”

Published

on

A prefeitura afirma que não há necessidade de fechar atividades comerciais com os atuais números de contaminação

DA REDAÇÃO

A Prefeitura de Anápolis, publicou uma nota para esclarecer as dúvidas da população sobre as decisões do poder executivo quanto ao funcionamento do comércio frente ao aumento de casos de Covid-19 na cidade. De acordo com a nota, não há necessidade de fechar as atividades comerciais neste momento.

A prefeitura reconheceu que os casos de Covid-19 tem aumentado nos últimos dias aqui na cidade. Mas informou que o sistema de saúde está preparado para atender a demanda, com leitos de enfermaria e UTI suficientes, sem risco de colapso no sistema de saúde.

Fake News

As dúvidas da população Anapolina começaram após a prefeitura anunciar que retomaria nesta quinta-feira (21), os protocolos municipais baseados na matriz de risco. Com a notícia e o aumento de casos de Covid-19 na cidade, informações desconexas começaram a ser divulgadas nas redes sociais informando que a prefeitura iria decretar um novo lockdown.

Matriz de Risco

A Matriz de Risco elaborada pela prefeitura e utilizada como base para definir os protocolos de contenção do vírus, possui três níveis que são utilizados para avaliar o risco de colapso do sistema de saúde, ou seja, quando há mais pacientes infectados que a capacidade de atendimento.

O Nível 1 é quando a quantidade de leitos disponíveis está abaixo da metade de ocupação, sugerido que o risco de colapso do sistema de saúde é baixo. Nesta etapa, segundo os protocolos sanitários, não há necessidade de fechar nenhum estabelecimento comercial.

O nível 2 é quando a quantidade de leitos está acima da metade de ocupação. Se a taxa de ocupação continuar subindo, o risco de colapso do sistema de saúde aumenta e se torna moderado. Nesta etapa, algumas atividades econômicas podem ser restringidas.

E o nível 3 é acionado quando a quantidade de leitos ocupados ultrapassa os 80% e o risco de colapso no sistema de saúde se torna alto. Nesta fase, um novo lockdown pode ser decretado.

Nota divulgada pela prefeitura (na íntegra)

“Mesmo diante do cenário de aumento no número de casos da COVID-19, a rede municipal vem suportando bem a pressão no sistema de saúde e, diante da disponibilidade atual de leitos, não há necessidade neste momento de nenhuma alteração nas regras de funcionamento das atividades comerciais.

A equipe da Secretaria Municipal de Saúde está elaborando uma nova Nota Técnica, que será publicada nesta sexta-feira, dia 22, e servirá como base para a retomada da matriz de risco, que passa a valer mediante os protocolos que serão publicados no Diário Oficial de terça-feira, dia 26. Por ora, as atividades econômicas em Anápolis seguem seu funcionamento normal, situação que está sendo avaliada semanalmente pela equipe técnica da SEMUSA”.

Números Covid-19 em Anápolis

Em Anápolis são 19.927 casos confirmados, 427 mortes. O boletim epidemiológico, divulgado ontem (20) à tarde, informa ainda que duas novas mortes foram confirmadas: uma mulher de 81 anos que faleceu no dia 19 e um homem de 85 anos que faleceu na data de ontem. Além disso, 198 novos casos foram registrados apenas ontem.

Continue Reading
Clique para comentar

Deixe uma resposta

Anápolis

Anápolis registra mil novos casos de Covid-19 em quatro dias e chega a 500 mortes

Published

on

Na sexta-feira (26) a cidade chegou à marca de 23 mil casos, nesta terça (2) já ultrapassa os 24 mil

DA REDAÇÃO

Os casos de Covid-19 em Anápolis aumentam em ritmo acelerado. Na sexta-feira (26), a cidade havia atingindo a marca dos 23 mil casos, totalizando 23.095 diagnósticos. Bastaram-se quatro dias para atingir a marca de 24 mil infectados. Os números divulgados nesta terça-feira (2) apontam 24.059 pessoas que já tiveram ou tem o coronavírus. Outra triste marca alcançada hoje está no número de mortos, são 502.

Continue Reading

Anápolis

Anápolis inicia grande trabalho de preservação ambiental do Ribeirão Piancó

Published

on

Sistema realizado a quilômetros do centro de Anápolis vai garantir qualidade de vida para futuras gerações. Iniciativa é uma parceria entre Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Saneago

DA REDAÇÃO

Recuperar as Áreas de Preservação Permanentes (APPs) da mais importante bacia de abastecimento de Anápolis, o Piancó, é fundamental para enriquecer o lençol freático e diminuir as erosões para que o rio continue abastecendo o município de forma sustentável nos próximos anos. Para tanto, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, em parceria com a Saneago, iniciou a construção de 79 bacias (cacimbas). Outras 29 serão reformadas numa área de 19 mil metros quadrados, onde estão instaladas seis propriedades rurais. Esse primeiro projeto desse ser finalizado ainda em março.

Segundo o secretário de Meio Ambiente, Douglas Ribeiro, essas bacias de contenção são necessárias para diminuir a velocidade da água antes dela atingir os leitos – o que impede o assoreamento do rio. “Essas bacias de água são interligadas. Assim, a água vai perdendo força, paulatinamente, e não assoreia o rio”, explica. Esse sistema, lembra, “também cria um reservatório natural de água”.

Num segundo momento, os cursos d´água serão cercados numa distância de 30 metros (a contar a partir da margem), além do isolamento das nascentes. Neste último caso, a área delimitada é de um raio de 50 metros para cada uma.

Segundo o diretor de Meio Ambiente, Ernestino de Souza, o maior desafio é conseguir convencer os produtores rurais e pecuaristas de que o meio ambiente deve caminhar lado a lado com a economia. Entretanto, ele explica que preservar as APPs está previsto no Código Federal, cabendo punição. “O mapeamento realizado revela que boa parte da região já foi degradada e o trabalho de recuperação é importantíssimo para a sustentabilidade”, diz.

Continue Reading

Anápolis

Prefeitura entrega certificados a microempreendedores

Published

on

Encerramento dos cursos “Técnicas de Vendas” e “Como Encantar Clientes” marcam início dos trabalhos da Fábrica do Empreendedor em novo local, no Ceitec. A entrega respeitou todas as medidas sanitárias

DA REDAÇÃO

A Prefeitura de Anápolis realizou nesta segunda-feira, 1º, a entrega de certificados para trabalhadores que participaram dos cursos “Técnicas de vendas”, que ocorreu no Espaço da Oportunidade, e “Como encantar clientes”, no Centro de Empreendedorismo, Inovação e Tecnologia de Anápolis (Ceitec). Lembrando que todos os cursos seguem os protocolos e medidas de segurança de combate ao coronavírus.

A jovem Dafne Múrsula, de 22 anos, iniciou o trabalho com vendas há dois meses. “Hoje sei como atender o cliente, entender sua necessidade, e isso através de um curto espaço de tempo”, disse. A primeira-dama Vivian Naves participou da entrega de certificados e afirmou que o novo espaço do Ceitec é para a população. “Empreender é um sonho, dá sustentabilidade para a família”, reforçou.

Para o secretário de Indústria e Comércio, Marcos Abrão, “com muito trabalho, dedicação e perseverança, é possível que o cidadão alcance o sonho de empreender”.

Ao final da entrega de certificados, a diretora de Trabalho, Emprego e Renda, Letícia Jury, informou que no dia 8 de março acontece o curso de pães e roscas, na Panificadora Escola, antiga Faiana, e as inscrições já podem ser feitas no Espaço da Oportunidade ou pelo telefone (62) 3902-2626.

Fábrica do Empreendedor

O programa Fábrica do Empreendedor, criado pela atual gestão, atua na formalização, apoio e qualificação dos microempreendedores individuais (MEI). Possibilita o acesso à inscrição no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), entre outras habilitações, como a emissão de nota fiscal, participação em licitações governamentais, redução de custos em tributos e auxílio na movimentação bancária.

Este processo é feito de modo desburocratizado e sem ônus. Os microempreendedores individuais também têm acesso a direitos e benefícios previdenciários (auxílio doença, pensão por morte para a família, salário-maternidade e aposentadoria por idade).

Atendimento

No mês de fevereiro, foram cerca de 400 microempreendedores atendidos pela Fábrica do Empreendedor, com 565 atendimentos realizados. Destes, 54% foram geração de boletos de pagamento mensal; 35%, Declaração Anual de Rendimentos; 4%, parcelamento de dívidas; 1%, atualização cadastral. A abertura de MEI (microempreendedor individual), 3%, e 2% de baixa, além de prestação de serviços para microempreendedores individuais.

Mais informações pelo telefone: (62) 3902-2424; ou de forma presencial no Centro de Empreendedorismo, Inovação e Tecnologia de Anápolis (Ceitec), no Bairro Jundiaí.

Continue Reading

Destaque