Connect with us

Goiás

Polícia Civil orienta população sobre golpe de falso cadastramento para vacinação contra Covid-19

Published

on

Criminosos simulam agendamento para a imunização com objetivo de clonar dados de aplicativo de mensagem do celular das vítimas e em seguida aplicar golpes financeiros

DA REDAÇÃO

A Polícia Civil de Goiás alerta a população para a tentativa de golpes que surgiram nos últimos dias, após a divulgação do plano nacional de vacinação contra a Covid-19. Na nova modalidade criminosa, os golpistas se passam por agentes de saúde, simulam um agendamento para a imunização e clonam o aplicativo de mensagens do celular das vítimas e em seguida aplicam golpes financeiros, por meio dos aplicativos das vítimas. O alerta foi feito nesta quarta-feira (20/01) pelo Grupo de Repressão a Estelionato e Outras Fraudes, da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (GREF /DEIC).

De acordo com o delegado Cássio Arantes, os golpes usam a promessa de cadastramento para vacinação contra a Covid-19 com intuito de roubar dados de pessoas interessadas. “O golpista entra em contato telefônico com a vítima, se passa por servidor do Ministério da Saúde, diz que está fazendo o cadastramento para fim de agendamento da vacinação, solicita alguns dados cadastrais e em seguida informa que foi encaminhado, via SMS, um código de validação do agendamento. Depois disso ele pede que a vítima informe o número desse código. Na verdade, quando ele manda esse SMS, ele clona o Whatsapp, passando a ter autonomia sobre o aplicativo e celular dessa vítima”, afirmou.

A vacinação contra a Covid-19 começou na última segunda-feira (18/01) em Goiás e na maioria dos estados. Contudo, a tentativa de fraude já vem ocorrendo antes disso. Por isso, o Ministério da Saúde também chegou a emitir um alerta, sobre as tentativas de golpe pelo celular usando o nome do órgão. Em Goiás, contudo, ainda não foram registradas ocorrências da nova modalidade criminosa. Mesmo assim, a Polícia Civil orienta os cidadãos para que não sejam novas vítimas desses golpistas. “Aqui no estado, ao menos aqui na DEIC, ainda não houve registro de ocorrência dessa natureza, não recebemos nenhuma vítima. Só que como o golpe começou a se alastrar por todo o país, em especial nesse momento, a gente tomou uma medida preventiva de orientar as pessoas, para que não caiam nesse golpe”, ressaltou.

O delegado ainda orientou que quem possivelmente for vítima a procurar as autoridades competentes. O registro da ocorrência pode ser feito na Delegacia de Polícia mais próxima ou por meio do Disk Denúncia da Polícia Civil, 197. “Se eventualmente receber um telefonema de alguém, se passando por servidor do Ministério da Saúde, não forneça dados cadastrais e jamais informe qualquer tipo de código que receba via SMS. Caso a vítima não observe isso e acabe caindo no golpe, aí ela tem que correr, registrar a denúncia e entrar em contato com o Whatsapp, pedindo para seja feito o bloqueio temporário da conta, até que eles consigam retorná-la para o telefone da vítima titular do número”, completou.

Fonte: Secretaria de Segurança Pública do Estado de Goiás

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Goiás

Campanha Aquecendo Vidas começa distribuir cobertores

Published

on

Iniciativa vai distribuir ao todo mais de 40 mil cobertores a pessoas vulneráveis em todos os 246 municípios goianos. Ação será nesta sexta-feira (14/05), a partir das 17h30, na Praça Joaquim Lúcio, em Campinas, na capital

DA REDAÇÃO

Para complementar as doações da Campanha Aquecendo Vidas, a OVG e o Gabinete de Políticas Sociais estão arrecadando cobertores e agasalhos novos e usados em bom estado de conservação, até o dia 31 de maio

O Governo Estadual, por meio da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e do Gabinete de Políticas Sociais (GPS), doará nesta sexta-feira (14/05), a partir das 17h30, 140 cobertores para pessoas em situação de rua, em Goiânia, além de frutas do Banco de Alimentos.  A ação terá início na Praça Joaquim Lúcio, em Campinas, e se estenderá para outros pontos da capital.

A entrega faz parte da Campanha Aquecendo Vidas 2021, que tem o objetivo de destinar cobertores e agasalhos a famílias vulneráveis, pessoas em situação de rua e entidades sociais cadastradas na Organização.

A OVG comprou, com recursos do Governo de Goiás, 40 mil cobertores para distribuir nos 246 municípios goianos. A instituição está organizando o cronograma de entrega para as prefeituras, que virão buscar as doações em Goiânia e repassar para as famílias em situação de vulnerabilidade em seus municípios.

Arrecadação


Para complementar as doações da Campanha Aquecendo Vidas, a OVG e o Gabinete de Políticas Sociais estão arrecadando cobertores e agasalhos novos e usados em bom estado de conservação, até o dia 31 de maio.

Neste ano, as doações poderão ser entregues em nove pontos diferentes, inclusive três locais funcionarão em formato drive-thru. Antes de serem distribuídas, todas as peças serão higienizadas e embaladas individualmente pela OVG.

Pontos de arrecadação de cobertores:


•    OVG – Rua T-14, Setor Bueno
•    Palácio Pedro Ludovico Teixeira – Rua 82, 400, Centro (drive-thru)
•    Corpo de Bombeiros – Avenida C-206 ccom C-198 – Jardim América (drive-thru)
•    Detran – Avenida Engenheiro Atílio Correia Lima – Cidade Jardim
•    Saneago – Avenida Fued José Sebba, 1245 – Jardim Goiás
•    Shopping Bougainville (estacionamento) – Rua 9, 1855 – Setor Marista (drive-thru)
•    Shopping Cerrado – Avenida Anhanguera, 10.790 – Setor Aeroviário
•    Associação Comercial e Industrial do Estado de Goiás (Acieg) – Rua 14, 50, Setor Oeste
•    Junta Comercial do Estado de Goiás (Juceg) – Rua 259, Setor Universitário

Serviço


Assunto: Governo de Goiás começa distribuição de cobertores da Campanha Aquecendo Vidas 2021
Quando: Sexta-feira (14/05), às 17h30
Onde: Praça Joaquim Lúcio, Campinas (ponto de partida), Goiânia (GO)

Continue Reading

Goiás

Goiás recebe 34 mil doses da CoronaVac, a 2ª remessa em apenas um dia

Published

on

Lote chegou, na manhã desta sexta-feira (14/05), no Aeroporto Internacional de Goiânia. Estado ultrapassa 2,2 milhões de imunizantes recebidos pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI), do Ministério da Saúde (MS)

DA REDAÇÃO

Volume deve ser utilizado, prioritariamente, para a segunda dose. Poucas horas antes, ainda na madrugada desta sexta-feira (14), outra leva, com 131.850 vacinas, sendo 69.600 da CoronaVac e o restante, 62.250, da AstraZeneca, havia aterrissado no Aeroporto Internacional de Goiânia (Fotos: Wesley Costa)

O Estado de Goiás recebeu, na manhã desta sexta-feira (14/05), mais uma remessa de imunizantes contra a Covid-19, a segunda no mesmo dia. O montante, 34 mil doses, é da CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan.

Poucas horas antes, na madrugada desta sexta-feira (14/05), outra leva, com 131.850 vacinas, sendo 69.600 da CoronaVac e o restante, 62.250, da AstraZeneca, havia aterrissado no Aeroporto Internacional de Goiânia.

“As doses da CoronaVac vão ser utilizadas, principalmente, para que os municípios regularizem a segunda aplicação, o restante como primeira dose”, diz a superintendente de Vigilância em Saúde de Goiás, Flúvia Amorim, que acompanhou a chegada dos imunizantes. 

Para a AstraZeneca, a orientação do Ministério da Saúde é guardar para a segunda dose. Não serão distribuídas neste momento, mas na medida em que avançar a vacinação nos municípios, explica Flúvia Amorim.

As doses foram encaminhadas a Central Estadual de Rede de Frio da Secretaria de Estado de Saúde (SES-GO) para conferência. Em seguida, seguem para as 18 Regionais de Saúde de Goiás, para que sejam enviadas a todos os 246 municípios goianos.

Números

O mais recente levantamento feito pela SES-GO, atualizado às 15h desta quinta-feira (13/05), mostra que o Estado já aplicou 1.104.663 vacinas referentes à primeira dose e 557.580 de segunda dose. Em relação aos imunizantes encaminhados, Goiás já recebeu 2.269.270 vacinas, sendo 1.255.280 da Coronavac, 959 mil da AstraZeneca e 54.990 da Pfizer/BioNTech.

Continue Reading

Goiás

Estado recebeu mais 131.850 vacinas contra Covid-19

Published

on

São 69.600 doses da CoronaVac, fabricada pelo Instituto Butantan, e 62.250 da AstraZeneca, produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz)

DA REDAÇÃO

O Governo de Goiás recebeu na madrugada desta sexta-feira (14/05) uma remessa de 131.850 vacinas contra a Covid-19. Destas, 69.600 são da CoronaVac, fabricada pelo Instituto Butantan, e 62.250 da AstraZeneca, produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Após desembarque no Aeroporto Internacional Santa Genoveva à 00h10, as doses seguiram para a Central Estadual de Rede de Frio da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), onde foram recebidas pelo governador Ronaldo Caiado.

Conforme orientação do Ministério da Saúde, as vacinas da AstraZeneca deverão ser reservadas para aplicação do reforço em pessoas imunizadas. Já os imunizantes do Butantan serão usados para possível ajuste do esquema vacinal de pessoas que ainda não receberam a segunda dose em alguns municípios. Além disso, para aquelas cidades que a situação da CoronaVac para reforço está regular, será permitido utilizar os imunizantes para avanço na campanha de vacinação. Para isso, os gestores municipais deverão reservar as duas doses, garantindo que o cronograma de imunização dos cidadãos seja completo.

Após conferência da quantidade de imunizantes enviada pelo Ministério da Saúde, o Estado inicia a distribuição das vacinas para todas as 18 Regionais de Saúde. Depois desta etapa, os imunobiológicos serão repassados aos 246 municípios para que as prefeituras continuem com a execução da campanha em seus territórios. Com esse novo carregamento, Goiás atinge a marca de 2.401.120 de doses já recebidas desde o início da campanha, em janeiro deste ano.

Continue Reading

Destaque