Connect with us

Anápolis

Dúvidas sobre o Pix? Especialista responde

Published

on

Em entrevista à Rádio Imprensa, o economista Márcio Dourado explicou o que é essa novidade que promete revolucionar transações financeiras

DA REDAÇÃO

Já começou o cadastro da chave Pix, sistema que promete agilizar e modernizar a maneira de efetuar transações financeiras. O Pix foi desenvolvido pelo Banco Central e está em teste desde fevereiro.

O Pix tem pagamento instantâneo e sem cobrança de taxas. Essa é uma das principais vantagens do novo sistema, taxas de TED, DOC e da maquininha de cartão não serão cobrados para quem utilizar o sistema. A estimativa é que os bancos deixem de receber até R$ 19 bilhões por ano com essas taxas.

O economista Márcio Dourado explica que o sistema ainda tem muitos pontos a esclarecer, mas apresenta mais um salto na maneira de efetuar transações comerciais. “Há pontos positivos e negativos, mas é importante que o usuário experimente o sistema aos poucos enquanto ele é aperfeiçoado”, disse.

Dúvidas sobre o Pix? Ouça a entrevista com professor de economia Márcio Dourado, concedida à Rádio Imprensa FM 104,9:

Entrevista com professor de economia, Márcio Dourado, na Rádio Imprensa

Cadastro da chaves Pix já está disponível

Começou nesta segunda-feira (5) o cadastro da chave Pix que será usada no novo meio de fazer pagamentos e transferências de forma instantânea, do Banco Central. Somente nas primeiras cinco horas cerca 200 mil chaves haviam sido registradas.

As transações via Pix estarão disponíveis para a população brasileira a partir de 16 novembro de 2020. A partir de 3 de novembro, ocorre o início da operação restrita do Pix. Com o novo sistema, as transações serão concluídas em poucos segundos, a qualquer hora, em qualquer dia, incluindo fins de semana e feriados.

“O Pix é um meio de pagamento instantâneo, rápido, disponível a todo momento, extremamente seguro que traz muita conveniência pra pagadores e recebedores. É usado para qualquer situação de pagamento envolvendo pessoas, empresas e governo”, explicou o chefe-adjunto do departamento de competição e de estrutura do mercado financeiro do Banco Central, Carlos Eduardo Brandt.

O que é a chave?

A chave Pix é como um apelido que vai identificar a conta do usuário. Ela representa o endereço da conta no Pix. Os quatro tipos de chaves Pix que o usuário pode utilizar são CPF/CNPJ, e-mail, número de telefone celular ou uma chave aleatória.

A chave vincula uma dessas informações básicas às informações completas que identificam a conta transacional do cliente como a identificação da instituição financeira ou de pagamento, número da agência, número da conta e tipo de conta.

O uso da chave não é obrigatório

Não é obrigatório cadastrar a chave para fazer e receber um Pix. Ter a chave, no entanto, faz com que a identificação do cliente seja facilitada e a transação feita de forma mais ágil. Para receber uma transferência, por exemplo, uma pessoa pode fornecer para o pagador apenas a chave Pix ao invés de ter que passar o número da conta, agência e outras informações.

“A chave é um instrumento de conveniência, uma identificação facilitada para destinar os recursos para uma determinada conta”, explicou Carlos Eduardo Brandt.

Cadastro de mais de uma chave

O cliente pessoa física pode ter 5 chaves para cada conta que for titular. Já a pessoa jurídica pode ter 20 chaves para cada conta.

Até agora, 677 instituições foram aprovadas para oferecer o novo meio de pagamentos e transferências e iniciar o cadastro das chaves Pix a partir desta segunda-feira, de acordo com o Banco Central.

“As pessoas podem cadastrar as chaves a qualquer momento, a partir de hoje. Qualquer tipo de registro, troca, portabilidade, será possível ao longo do tempo”, disse Carlos Eduardo Brandt.

Como fazer o registro da chave Pix

O usuário poderá fazer o registro das suas chaves por meio de um dos canais de acesso da instituição em que tenha conta, inclusive pelo aplicativo instalado em smartphone.

Para realizar o registro, será preciso confirmar a posse da chave e vinculá-la a uma conta para recebimento dos recursos. Para confirmação da posse da chave, a instituição enviará um código por SMS para o número de telefone celular ou o e-mail que o usuário quer utilizar como chave. Esse código deverá ser inserido no canal de acesso disponibilizado pela instituição.

Entenda o Pix

O que é o Pix?

É um meio de pagamento assim como boleto, Transferência Eletrônica Disponível (TED), Documento de Ordem de Crédito (DOC), transferências entre contas de uma mesma instituição e cartões de pagamento, débito, crédito e pré-pago. Com ele as transações serão concluídas em qualquer hora, em poucos segundos, em qualquer dia, incluindo fins de semana e feriados.

Ele traz praticidade, além de aumentar a velocidade em que pagamentos ou transferências são feitos e recebidos. Atualmente, uma TED leva até duas horas para ser compensada e o DOC é liquidado apenas no dia útil seguinte.

Ainda tem o potencial de alavancar a competitividade e a eficiência do mercado, de acordo com o Banco Central.

Quem pode fazer?

Qualquer pessoa física ou jurídica que tenha uma contra transacional em um prestador de serviço de pagamento – instituições financeiras ou instituições de pagamento – participante do Pix. A conta transacional é uma conta corrente, conta poupança ou conta de pagamento pré-paga.

Quais os meios de acesso?

O Pix poderá ser disponibilizado pelas instituições em diversos canais de acesso com o telefone celular, desde que seja um smartphone. Outros possíveis canais que podem ser oferecidos a critério de cada instituição, são: internet banking e presencialmente nas agências, nos caixas eletrônicos ou nos correspondentes bancários, como lotéricas, por exemplo.

As transações serão tarifadas?

Pessoa Física: são isentas de cobrança de tarifas para fazer e receber um Pix, ou seja, para enviar e receber recursos, com finalidade de transferência e de compra.

Há duas situações em que as pessoas físicas poderão ser tarifadas. A primeira é ao fazer um Pix utilizar canal de atendimento presencial ou pessoal da instituição, inclusive por telefone, quanto estiverem disponíveis meios eletrônicos. O segundo é ao receber dinheiro em compras.

Pessoa Jurídica: a instituição que detém a conta do cliente pode cobrar tarifa em decorrência de envio e de recebimento de recursos com as finalidades de transferência e de compra. É possível, ainda, a cobrança de tarifa na contratação de serviços acessórios relacionados ao envio ou ao recebimento de recursos, com o objetivo de permitir que atividades complementares possam ser oferecidas especificamente às empresas. 

Fonte: www.gov.br

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Anápolis

Aplicação de segunda dose da vacina contra a Covid-19 continua na quinta-feira, 22

Published

on

A distribuição dos postos será feita conforme o imunizante. O horário sempre das 8h às 16h

DA REDAÇÃO

Com mais de 76 mil doses aplicadas, entre primeira e segunda, a vacinação contra a Covid-19 em Anápolis continua na quinta-feira, 22. Nesta quarta-feira, 21, feriado de Tiradentes, não haverá vacinação. Enquanto não chegam mais remessas para primeira dose, a Prefeitura continua a aplicação distribuindo os postos de acordo com o imunizante.

A segunda dose da vacina da Coronavac para idosos e profissionais de saúde será aplicada nos seguintes pontos: Ginásio Internacional Newton de Faria, CMTT, Ginásio da UniEvangélica, Banco de Leite e unidade de saúde do Anexo Itamaraty. Deve procurar um desses locais quem já completou 28 dias da aplicação da primeira dose, conforme consta no cartão de vacinas. O horário é das 8h às 16h.

Já o imunizante da AstraZeneca estará disponível em dois pontos: unidades de saúde do JK e Santa Maria de Nazareth. Podem se imunizar com a primeira dose profissionais de saúde – por categoria, conforme chamamento dos conselhos de classe – e da segurança pública em atividade com idade acima de 35 anos, de acordo com grupos definidos pelas corporações.

Nestes dois pontos também será aplicada a segunda dose da AstraZeneca em profissionais de saúde que receberam o imunizante há mais de oito semanas, de acordo com o cartão de vacinação.

Continue Reading

Anápolis

Diretor Industrial da Caoa visita a Rádio Imprensa

Published

on

Eugênio Cesare fala que “a prioridade nas próximas contratações da Caoa será para os que concluírem o Programa Caoa Capacita Comunidade.”

Nesta terça-feira (20), a Rádio Imprensa recebeu ao vivo nos estúdios, o diretor industrial da Caoa Montadora, sr. Eugênio Cesare e a diretora da Faculdade de Tecnologia SENAI Roberto Mange, Misclay Marjorie, para falar sobre uma parceria de sucesso, o Programa Caoa Capacita Comunidade.

Ao falar sobre a parceria da Montadora Caoa com o SENAI, o diretor industrial, disse que, “a Caoa acredita no Brasil, acredita em Goiás e acredita em Anápolis. Os produtos fabricados aqui têm boa aceitação no mercado. Neste mês de abril, a Caoa completa 14 anos de operação no município, e isso é motivo de muito orgulho para a empresa.”

“A Caoa é uma empresa madura, com boa visibilidade nacional e imagem de qualidade dos produtos fabricados pelos anapolinos, e sempre busca o melhor para o futuro em termos de produto, qualidade e tecnologia nos seus processos. Os nossos clientes são pessoas, os nossos empregados são pessoas, então o nosso principal patrimônio são as pessoas”, completou Eugênio Cesare.

“Os cursos ofertados foram preparados em conjunto com os engenheiros do SENAI e da Caoa, e darão habilidades e competências para a execução  dentro da montadora ou em qualquer outra indústria automobilística”, informou a diretora do SENAI. Os cursos ofertados são: Logística na Indústria Automotiva, Preparação de Superfícies Automotivas, Montagem de Veículo Solda a Ponto e Montagem Automotiva.

Os cursos são gratuitos, e tem apenas dois pré-requisitos para os interessados: idade mínima de 18 anos e ensino médio completo. A inscrição é virtual pelo site do SENAI, através do QR Code ou do link https://senaigoias.com.br/eadcursos/senai/curso/16919/programa-de-capacitacao-caoa-capacita-a-comunidade e todos os dados devem ser preenchidos até finalizar a inscrição.

“As matrículas estarão abertas, e a duração dos cursos é de 60 horas, no período noturno, no horário das 19h00 às 22h00. A modalidade ensino à distância (EAD), com aulas ao vivo, teóricas e práticas, linkadas diretamente nos laboratórios do SENAI com os equipamentos utilizados pela Caoa”, concluiu a diretora do Senai, Misclay Marjorie.

Ainda, segundo o diretor, existe uma lacuna no mercado de trabalho, muitos não participam de processos seletivos, por não terem experiência em indústria ou empresas de grande porte, e às vezes se sentem despreparados para esses desafios. O Programa Caoa Capacita a Comunidade promove novas expectativas para o mercado de trabalho, disponibilizando cada vez mais mão de obra qualificada.

Continue Reading

Anápolis

Segunda dose marcada para o dia 21 de abril estará disponível nesta terça – feira, 20

Published

on

DA REDAÇÃO

Quem precisa receber o reforço do imunizante deve procurar a unidade do Anexo Itamaraty, Ginásio Internacional Newton de Faria, CMTT ou Ginásio da UniEvangélica

A Prefeitura de Anápolis chama os idosos cuja data de aplicação da segunda dose seria nesta quarta-feira, 21 – feriado de Tiradentes – para procurarem nesta terça-feira, 20, das 8h às 16h, um dos quatro postos para receber a vacina. São eles: unidade do Anexo Itamaraty, Ginásio Internacional Newton de Faria, CMTT e Ginásio da UniEvangélica.

A vacinação continua para profissionais de saúde que precisam receber a segunda dose. Já a primeira dose está disponível para profissionais da saúde – por categoria, conforme chamamento dos conselhos de classe – e da segurança pública em atividade com idade acima de 35 anos, de acordo com grupos definidos pelas corporações. Essas doses fazem parte da remessa que veio do Estado destinada exclusivamente a estes grupos.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a pessoa que teve a doença deve aguardar no mínimo 30 dias para receber a vacina e pacientes que usam medicamentos imunossupressores, em tratamento oncológico ou de hemodiálise, precisam ter autorização médica para tomar a dose.

Continue Reading

Destaque