Connect with us

Goiás

Confira os órgãos estaduais que abrem e fecham nas semanas de Natal e de Ano Novo

Published

on

Detran-GO, Vapt Vupt, Saneago, Procon e Hemocentro apresentam mudanças nos horários de funcionamento, neste fim de ano

DA REDAÇÃO

O governador Ronaldo Caiado determinou ponto facultativo nos dias 24 de dezembro, que antecede o Natal, e 31, véspera de Réveillon. Em razão das celebrações de fim de ano, alguns serviços públicos de órgãos estaduais apresentarão mudanças na grade de funcionamento.

Com a medida, as repartições públicas estaduais não funcionarão entre os dias 24 e 27 de dezembro e reabrem normalmente de 28 a 30 de dezembro. Após essa data, o expediente só retorna no dia 04 de janeiro de 2021.

As atividades essenciais de interesse público, indispensáveis à continuidade de serviços, como as unidades de saúde, de policiamento civil e militar, bombeiro militar, arrecadação e fiscalização, serão mantidas.

As unidades de Vapt Vupt localizadas na capital e no interior vão funcionar em horário especial nos dias 24 e 31 de dezembro. Ao todo, 58 agências da rede vão realizar atendimento das 8h às 13h (confira quais no final do texto). Nos dias 25 e 31 de dezembro e no dia 1º de janeiro, todas as unidades estarão fechadas. Nos sábados seguintes aos feriados, 26 de dezembro e 02 de janeiro, não haverá atendimento nas agências que funcionam durante os finais de semana: Goiânia e Aparecida de Goiânia. Reforça-se que todos os serviços do Vapt Vupt são agendados por meio do portal www.vaptvupt.go.gov.br.

Não haverá atendimento nos escritórios da Saneago nos dias 24, 25, 26, 27 e 31 de dezembro, bem como em 1º, 02 e 03 de janeiro. Equipes manterão as atividades de campo para garantir o abastecimento e a manutenção de água e a coleta e o tratamento de esgoto. O usuário pode buscar atendimento 24 horas durante o período de fim de ano na Central de Atendimento 0800 645 0115, no aplicativo Saneago e pelo site da companhia. Pelas redes sociais, o consumidor poderá fazer consultas e reclamações de falta de água e informar vazamento, enviando mensagens diretas pelo Facebook (facebook.com/saneagonarede), Twitter (@saneagonarede) e Instagram (@saneago).

As unidades do Detran-GO e do Procon-GO permanecerão fechadas em Goiânia nos dias 24, 25 e 31 de dezembro e 1º de janeiro. Na segunda-feira (04/01), o atendimento será realizado normalmente dentro do horário habitual de cada unidade.

Saúde


O Governo de Goiás reforça o pedido de doação de sangue neste fim de ano. As unidades da Hemorrede Pública terão funcionamento especial em Goiânia e no interior. Nesta quinta-feira (24/12), haverá expediente no ambulatório e coleta do Hemocentro das 8h às 12h. Neste período, as doações de sangue serão realizadas normalmente. Os setores de Laboratório e de Distribuição de Hemocomponentes funcionarão normalmente, de forma ininterrupta. Os atendimentos vão ser retomados na segunda-feira (28/12). O mesmo ocorrerá na quinta-feira seguinte (31/12), tendo os atendimentos normais retomados na segunda-feira (04/01).

Os hospitais do Estado de Goiás vão funcionar em regime de plantão, neste feriado de Natal (24 e 25/12). A assistência ao usuário do Sistema Único de Saúde (SUS) será normal nos setores de urgência e emergência. Na área administrativa, o atendimento será feito em regime escalonado. 
De acordo com a Secretaria de Saúde, estarão em funcionamento os setores de urgência e emergência do Hugol, Hugo, HDT, Materno-Infantil e Maternidade Nossa Senhora de Lourdes, localizados em Goiânia; Huapa, em Aparecida de Goiânia; Hurso, em Santa Helena de Goiás; Huana, em Anápolis; Hutrin, em Trindade; Heelj, em Pirenópolis; e Heja, em Jaraguá. 

O HGG e o Crer manterão normalmente os procedimentos e o atendimento aos pacientes internados. O Centro Estadual de Atenção ao Diabetes (Cead) retomará os serviços na segunda-feira (28/12), assim como o ambulatório de consultas e a farmácia ambulatorial do HDT. 

Ainda em Goiânia, o Hospital de Dermatologia Sanitária e Reabilitação Santa Marta (HDS) funcionará normalmente, para atendimento aos pacientes que residem no local, e o Centro Estadual de Referência em Medicina Integrativa e Complementar (Cremic) estará fechado durante todo o feriado. As atividades administrativas retornam na segunda-feira (28/12).

Os Hospitais de Campanha (HCamps), unidades de referência para assistência de casos confirmados e suspeitos de Covid-19 do Governo de Goiás, não sofrerão alterações no atendimento durante o feriado. Os HCamps de Goiânia, Luziânia, Formosa, Jataí, São Luís de Montes Belos, Itumbiara e Porangatu funcionarão todos os dias, sem interrupção da assistência. 

Outros serviços da saúde

Central de Orientação sobre o coronavírus (Cori)

A Central de Orientação sobre o coronavírus (Cori) não funcionará durante o feriado e retornará os atendimentos na segunda-feira (28/12), das 7h às 19h, por meio do telefone 3201-9300 ou pelo chatbot Vitória, que utiliza inteligência artificial e está disponível no hotsite http://www.saude.go.gov.br/coronavirus. 

Banco de Sangue do Hugol

Não fará captações nesta sexta-feira (25/12), retornando ao horário normal de funcionamento no sábado (26/12), das 7h às 12h. 

Central Estadual de Medicamentos de Alto Custo (Cemac) Juarez Barbosa

Não funcionará no feriado, retornando ao atendimento de rotina na segunda-feira (28/12).

Credeq Jamil Issy, em Aparecida de Goiânia

Não terá funcionamento administrativo e ambulatorial. O atendimento aos pacientes internados será realizado em regime de plantão.

Gerência de Transplantes de Goiás
Funcionará em regime de plantão para atender os casos de urgências para notificação, captação e distribuição de órgãos. O telefone de plantão para os profissionais de saúde acionarem a equipe de captação e viabilizarem a doação de órgãos é o 62 3201-6722.

Laboratório de Saúde Pública Dr. Giovanni Cysneiros (Lacen-GO)
Funcionará normalmente para o recebimento de amostras de exames, especialmente para Covid-19. 

Prevenção


O Governo de Goiás, juntamente com a Secretaria de Estado de Saúde (SES-GO), divulgou uma lista com regras importantes a serem observadas durante as festividades de fim de ano. Dentre as recomendações está o uso de máscara, o distanciamento de dois metros, evitar aglomerações de qualquer tipo e compartilhamento de utensílios.

A publicação reforça que ao receber convidados, a pessoa estará exposta a diferentes níveis de contágio. Nesse caso, o ideal é que eles levem a própria comida e bebida.

Vale ressaltar que nenhuma medida é capaz de impedir totalmente a transmissão do novo coronavírus. A forma mais segura de passar as festas de fim de ano é em casa e celebrar apenas com as pessoas que moram juntas.

Veja as agências do Vapt Vupt que vão funcionar nos dias 24 e 31 de dezembro em horário especial, das 8h às 13h

Goiânia
Praça Cívica, Campinas, Praça da Bíblia e shoppings Araguaia, Mangalô, Lozandes, Cidade Jardim, Passeio das Águas e Buena Vista

Aparecida de Goiânia
Garavelo, Shopping Buriti e Aparecida Shopping

Anápolis
Anápolis Sul e Anashopping

Trindade
Centro e Maysa

Luziânia
Centro e Jardim Ingá

Demais unidades do Interior
Águas Lindas, Campos Belos, Caldas Novas, Catalão, Ceres, Cidade de Goiás, Cristalina, Formosa, Goianésia,  Goianira, Goiatuba, Itaberaí, Itapuranga, Itapaci, Itumbiara,  Iporá, Inhumas, Jataí, Jaraguá,  Minaçú, Morrinhos, Mineiros,  Palmeiras de Goiás,  Planaltina, Porangatu, Posse, Pires do Rio, Piracanjuba, Pirenópolis, Quirinópolis, Santo Antônio do Descoberto, Santa Helena de Goiás, Rio Verde,  Rubiataba, Senador Canedo e Valparaíso de Goiás.

Fonte: www.goias.gov.br

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Goiás

À ONU, Caiado pede que Brasil possa produzir princípio ativo da vacina contra Covid

Published

on

Sugestão do governador é que a produção ocorra mediante a pagamento de royalties

DA REDAÇÃO

Em reunião com a Organização das Nações Unidas (ONU), o governador Ronaldo Caiado (DEM) pediu para que o Brasil e outros países sejam autorizados a produzir o ingrediente farmacêutico ativo (IFA) utilizado na vacina contra a Covid-19. A sugestão do democrata é que a produção ocorra mediante a pagamento de royalties. Atualmente, apenas China, Índia, Rússia e Estados Unidos têm permissão para fabricar o princípio ativo.

A reunião ocorreu na última sexta-feira (14), de maneira virtual, e teve a participação da secretária-geral adjunta da ONU, Amina Mohammed, e governadores de outros estados brasileiros.

Na ocasião, o democrata disse que é inadmissível que somente quatro países possam fabricar o ingrediente para bilhões de pessoas.“Isso atrasa demais o processo de vacinação. Por isso a ONU precisa intermediar esse processo e garantir que possamos produzir o IFA mediante o pagamento de royalties”, salientou no encontro.

A secretária-geral Amina Mohammed acenou positivamente à sugestão de Caiado e declarou ser necessária a ação conjunta de todos. De acordo com Marlova Noleto, coordenadora da ONU no Brasil, o país será auxiliado em relação a medicamentos, vacinas e ajuda humanitária. “Vamos intensificar isso”, garantiu.

A ONU também anunciou que vai antecipar ao Brasil o repasse de quatro milhões de doses. Elas devem chegar ainda em abril. Outras quatro milhões de unidades podem vir em maio. Os imunizantes fazem parte do consórcio Covax Facility.

Continue Reading

Goiás

Governo de Goiás quer ampliar o prazo do estado de calamidade

Published

on

Novo decreto deve ser editado, o efeito do anterior terminou no fim de 2020.

O governo enviou à Assembleia Legislativa, um pedido de prorrogação do estado de calamidade em Goiás até 31 de dezembro. Com isso, será possível que o estado use recursos para o combate à pandemia de Covid-19, que recrudesceu nos últimos meses. Na justificativa, consta que há previsão da redução das receitas públicas e que as despesas com medidas para atenuar a crise gerada pela pandemia possam aumentar e que a não prorrogação poderia paralisar consideravelmente o aparto público

Continue Reading

Goiás

Goiás sobe sete posições no ranking da vacinação

Published

on

Em uma semana, Estado saltou da 18ª para 11ª colocação entre unidades da Federação que mais aplicaram e registraram primeira dose da vacina contra Covid-19. Melhora vem após cobrança do governador Ronaldo Caiado por maior agilidade dos municípios na alimentação dos dados das imunizações no Sistema de Informação do Ministério da Saúde

DA REDAÇÃO

Dados do portal do Ministério da Saúde de terça-feira (13/04), mostram que Goiás ocupa a 11ª colocação no ranking de unidades da federação que mais aplicaram a 1ª dose da vacina contra a covid-19, totalizando 670.678 imunizações. Na terça-feira da semana passada, o Estado estava na 18ª posição.

A melhora veio após o governador Ronaldo Caiado solicitar maior eficiência no registro das imunizações no Sistema de Informação do Ministério da Saúde (SI/PNI) e determinar que a Secretaria-Geral da Governadoria (SGG) e a Secretaria de Estado da Saúde (SES) realizassem uma ação conjunta de sensibilização dos municípios, que são os responsáveis pelo repasse dos dados.

Quando analisado o total de imunizações já aplicadas, levando em conta a primeira e segunda dose, Goiás sobe para a décima posição no ranking. Até esta terça-feira, o Estado somava 826.602 imunizações. A demora no registro dos dados é prejudicial, pois a defasagem entre o número de doses recebidas e aplicadas pode resultar em uma redução de novas remessas por parte do Ministério da Saúde.

Ao receber o envio do Ministério da Saúde, a SES realiza uma força-tarefa para distribuir a vacina aos 246 municípios goianos. A maioria das regionais de saúde recebem o imunizante em um prazo de 24 horas. As demais recebem em até 48 horas. No entanto, na última semana, das 1.031.380  distribuídas, apenas 624.715 estavam registradas no sistema como aplicadas. Na quarta-feira da semana passada (07/04), Caiado fez um apelo público, durante o lançamento do programa Todos por Elas, para que os municípios informassem os dados.

O governador também determinou um acompanhamento mais próximo do andamento da vacinação nos municípios. Para isso, a SGG, em parceria com a SES, está monitorando os índices de aplicação e entrando em contato com as prefeituras que apresentarem maiores índices de falta de registro.

Os percentuais relativos à primeira dose serão disponibilizados em boletins diários dos municípios com maior e menor registro de aplicações, calculado com base no número de doses recebidas por cada cidade. Os rankings serão publicados nas redes sociais das duas secretarias.

Municípios

O primeiro ranking, divulgado na quarta-feira (14/04), analisou a atualização dos dados nos 14 municípios goianos com mais de 100 mil habitantes. Juntos eles concentram 63,92% da população do Estado.

Entre os 14 maiores municípios, Rio Verde apareceu com o melhor percentual de aplicação da primeira dose da vacina. Do total de imunizantes recebidos, 95,57% estão registrados no sistema do Ministério da Saúde como aplicados. Na segunda posição aparece Catalão (94,11%), seguida por Anápolis (89,91%) e Itumbiara (89,45%). Na quinta posição do ranking,  Valparaíso e Jataí aparecem empatadas, com 89,26%.

Na sequência aparecem Trindade (85,66%), Novo Gama (82,78%) e Luziânia (77,19%). Goiânia ocupa a nona posição, com 77,19%.

Os cinco municípios com os percentuais de vacinação, entre os 14 maiores, são: Formosa (72,38%), Senador Canedo (74,11%), Aparecida de Goiânia (74,37%), Águas Lindas (74,99%) e Goiânia (77,02%). Os dados foram coletados às 10h de quarta-feira (14/07).

Na etapa seguinte, prevista para os próximos três dias, a ação de sensibilização vai monitorar a situação nas cidades com os maiores números absolutos de doses não registradas.

Continue Reading

Destaque