Connect with us

Emprego

Veja as oportunidades de Terça, 30 de Maio de 2017

Published

on

O SINE informa que as seguintes vagas de emprego estão disponíveis nesta Terça-feira, dia 30 de maio de 2017:

02 – Vagas para  Ajudante de Rede Telecomunicações (Estágio)

01 – Vaga para  Assistente Comercial

01 – Vaga para  Auxiliar Contábil

04 – Vaga para  Açougueiro

01 – Vaga para  Gerente de Produção

01 – Vaga para  Gerente de Vendas

01 – Vaga para  Mecânico (Caminhões e Veículos Pesados)

01 – Vaga para  Operador de Extrusora de Borracha e Plástico

02 – Vagas para  Padeiro

01 – Vaga para  Personal Treanning

01 – Vaga para  Professor de Educação Física

02 – Vagas para  Serigrafista

Mais informações você pode conferir junto ao Sine da Avenida Senador José Lourenço Dias (antiga Contorno), no Centro, no Vapt Vupt do Anashopping ou na nova unidade do Sine, no Rápido da Vila Jaiara.

Continue Reading
Clique para comentar

Deixe uma resposta

Emprego

Mercado de trabalho começa a recuperar parte das vagas perdidas na pandemia

Published

on

De julho a setembro deste ano, o Brasil registrou um crescimento de 1,5 milhão da população ocupada. O dado faz parte de um estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

DA REDAÇÃO

De julho a setembro deste ano, o Brasil registrou um crescimento de 1,5 milhão da população ocupada. O dado faz parte de um estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Segundo as bases de dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), esse é o primeiro movimento de recuperação parcial do número de postos de trabalho perdidos desde o início da pandemia. 

A estimativa da pesquisa tem como base a PNAD Contínua. Os setores de atividade que mais sofreram redução de postos de trabalho entre fevereiro e setembro foram os de serviços domésticos, com queda de 32,1%, e o grupo de alojamento e alimentação, cujas vagas foram reduzidas em 34,5%. 

Por sua vez, os grupos de atividades que registraram crescimento no mesmo período foram dois: administração pública, defesa, seguridade, educação, saúde humana e serviços sociais (+6,5%); e informação, comunicação e atividades financeiras, imobiliárias, profissionais e administrativas (+0,5%).

Segundo o instituto, se o aumento dos postos de trabalho não for mais rápido, a taxa de desocupação tenderá a subir. Isso ocorre porque a flexibilização do isolamento social e a redução do valor do auxílio emergencial podem estimular as pessoas que tinham parado de procurar emprego durante a pandemia a tentar de novo uma posição no mercado de trabalho.


Fonte: Brasil 61

Continue Reading

Emprego

Espaço da Oportunidade é porta de entrada para mercado de trabalho

Diariamente, Sine conta com 350 vagas e o Senac com mais de 30 cursos online gratuitos

Published

on

DA REDAÇÃO

Em tempos de pandemia os cursos presenciais oferecidos pelo Espaço da Oportunidade estão suspensos, mas a unidade está de vento em popa e cursos online estão sendo oferecidos gratuitamente. Como foi o caso do Gabriel Oliveira, de 22 anos, que buscava qualificação profissional e também uma vaga de emprego há um ano. Ao ir ao Espaço da Oportunidade conseguiu seu tão esperado primeiro emprego em apenas uma semana. Isso mesmo! O Gabriel soube da unidade pelas redes socias e logo correu atrás. Hoje ele já está a um mês na indústria de grãos e cereais, Nutribem, como Auxiliar Administrativo.

“Estava há muito tempo entregando diversos currículos e após entrar em contato com o Espaço da Oportunidade eu consegui a vaga de emprego no prazo de uma semana. Ações como essa ajudam o anapolino a conquistar seu primeiro emprego” ressaltou o jovem, com um sorriso no rosto. “Meu sentimento é de felicidade. Eu era o único da família desempregado e, mesmo com a pandemia, o Espaço da Oportunidade mudou a minha vida pra melhor”, completou.

A secretária municipal de Desenvolvimento Social, Trabalho, Emprego e Renda, Eerizania Lobo,  explica que a Prefeitura de Anápolis faz o acompanhamento remoto dos profissionais cadastrados no SINE, além de buscar identificar as vagas de emprego disponíveis, com vistas à inserção destes profissionais no mercado formal. ”Como resultado disso, o município fechou com saldo positivo no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged)”, contou

Para ter acesso às vagas sem sair de casa, basta baixar gratuitamente o aplicativo Sine Fácil pela loja de aplicativos do celular. Após proceder ao processo de instalação, aguardar o download e clicar no ícone do programa. É possível consultar vagas de emprego disponível para o perfil profissional.

Os trabalhadores que tiverem dúvidas na utilização do aplicativo podem entrar em contato pelo telefone 3324-8396 ou ir até a unidade do Sine, localizada na Avenida Senador José Lourenço Dias, no Centro. Vale reforçar que o atendimento está seguindo as normativas do Decreto Municipal, que visa a segurança do usuário. Por isso, o mais indicado é conferir as vagas por meio do aplicativo Sine Fácil, que é rápido e seguro.

Cursos online e gratuitos
O Senac Goiás disponibilizou 30 cursos EAD gratuitos em diversas áreas e com vagas para moradores de Anápolis. Para se inscrever é fácil, basta acessar o site: ead.senac.br/gratuito. As vagas disponibilizadas pelo Senac é demonstração de que as políticas públicas da Prefeitura de Anápolis estão em consonância com o crescimento e a geração de empregos na cidade.

Fonte: www.anapolis.go.gov.br

Continue Reading

Emprego

Oferta de emprego cai pela metade em Anápolis

Published

on

No ranking estadual das cidades que mais geraram empregos em 2019, Anápolis está em 5º lugar, atrás de Aparecida, Rio Verde e Jataí

Por Priscila Marçal

Os dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) nesta sexta-feira (24), não são tão animadores para Anápolis. Apesar do saldo entre contratados e demitidos ainda ser positivo, está muito abaixo do que era esperado para a cidade. Foram 38.893 contratações, contra 38.179 demissões, o que resultou em 714 novas vagas. Em comparação com 2018, quando a cidade fechou o ano com o saldo de 1.544 empregos, a queda é de mais de 50%.

Durante todo o ano de 2019, a cidade apresentou números positivos e na parcial das cidades que mais geravam empregos, ficou em segundo lugar até o mês de outubro. Em novembro perdeu o posto para Aparecida de Goiânia, e em dezembro caiu mais duas posições. Foram 2.468 contratações contra 3.770 demissões, o que resultou no saldo negativo de -1.302 vagas em dezembro. O setor que mais demitiu foi o de Serviços, foram -952 vagas negativas, seguido por Indústria (-223) e Construção Civil (-102).

O resultado dessa queda nos números em dezembro é que Anápolis ficou em 5º lugar no ranking estadual das cidades que mais geraram empregos em 2019. Confira abaixo:

Ranking Caged 2019

1º – Goiânia: 2.972

2º – Rio Verde: 1.791

3º – Aparecida de Goiânia: 1.142

4º – Jataí: 779

5º – Anápolis: 714

Continue Reading

Destaque