Connect with us

Anápolis

Prefeitura presta contas de 2019

Os valores investidos no ano passado foram apresentados na Câmara de Vereadores

DA REDAÇÃO

Educação e saúde são prioridade em Anápolis. Prova disso são os investimentos da ordem de 51,28% da receita municipal nas duas áreas, em 2019. Só na educação, o índice alcança 29,63% – quase 5% a mais que o determinado por lei, que é de 25%. Já na saúde, a fatia foi de 21,65% – 6,65% acima da determinação legal.

Os dados foram apresentados pelo prefeito Roberto Naves, acompanhado dos secretários municipais, durante prestação de contas referente ao 3º quadrimestre de 2019, na Câmara Municipal, nesta sexta-feira (28). As despesas com pessoal também foram ponto de destaque, representaram 50,34% da despesa, ficando abaixo do chamado limite prudencial, que é de 54%.

“Todo dinheiro investido na educação é pouco, por isso estamos alcançando quase 30%”, disse o prefeito, que também ressaltou os sucessivos aumentos concedidos aos servidores públicos, de 6,5% em 2017, de mais 2,84% em 2018, e 3,75% em 2019 – o que representa 13,09% de incremento, além do pagamento da titulação, média de 25% de acréscimo aos salários, em 2019. No total, os reajustes concedidos pela atual administração foram da ordem de 38,09%. “Com as contas em dia, adotamos uma política permanente de valorização do servidor público”, afirmou.

Finanças equilibradas, servidor valorizado e Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) sendo cumprida. Este é o atual cenário na cidade. No início dos trabalhos, lá em 2017, o desafio foi grande. Só o gasto com pessoal comprometia 60% da receita do município, 6% acima do que permite a LRF. A dívida do município alcançava R$ 400 milhões, destes, R$ 200 mi apenas de precatórios — que foram quitados todos em agosto de 2019. E o déficit mensal nas contas da cidade era de R$ 5 milhões, sem considerar que um cálculo atuarial previa um buraco no Instituto de Seguridade Social dos Servidores Municipais de Anápolis (Issa) de R$ 7 bilhões.

“Já foram quitados mais de R$ 270 milhões em dívidas e o déficit do Issa, de R$ 7 bi, foi reduzido para R$ 2 bi, isso sem precisar aumentar a contribuição do servidor – e o patrimônio do Issa foi incrementado, de R$ 44 milhões para R$ 124 mi”, explicou. É unanimidade, Anápolis consolida um novo ciclo de crescimento, melhorando diretamente a qualidade de vida da população e valorizando o servidor público.

Fonte: www.anapolis.go.gov.br

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anúncio Barra Lateral Posts

Advertisement

Destaque