Connect with us

Anápolis

Radares e lombadas eletrônicas serão instalados nos próximos dias

Um dos focos da CMTT é a redução do número de acidentes provocados por excesso de velocidade e avanço de sinal

DA REDAÇÃO

A população anapolina, que convive com a violência no trânsito – parte pela imprudência dos motoristas –, será beneficiada com a implantação do novo sistema de fiscalização eletrônica (radares e lombadas) nas principais ruas e avenidas da cidade. A expectativa da Companhia Municipal de Trânsito e Transportes (CMTT) é concluir todo o processo até o final do mês, e a partir da assinatura do contrato, iniciar a implantação do sistema de fiscalização eletrônica, principalmente nos locais que apresentam maiores registros de acidentes.

Os radares e lombadas eletrônicas são mais uma ferramenta da administração municipal, para diminuir o número de acidentes e preservar vidas no trânsito. Além disso, o sistema de fiscalização vai contribuir para as análises estatísticas, pois fará a contagem de veículos e registro das infrações na cidade. Possibilitando, a partir destes dados, estudos mais aprofundados com ações de conscientização que levem motoristas e pedestres, a respeitarem as leis de trânsito.

O diretor de Engenharia de Trânsito, Igor Lino, explicou que a previsão é aumentar de 211 para 323 equipamentos novos de fiscalização. “Além disso, os novos equipamentos serão mais modernos, e conta com uma novidade, que é o radar fixo não metrológico. Ele registra ações de avanço de semáforo e parada sobre faixas de pedestres”, contou Lino.

De acordo com ele, outro equipamento que promete diminuir os índices de acidentes será o de videomonitoramento de trânsito. “Ele permite consulta automática de placas de veículos, verificando a situação de regularidade através do banco de dados fornecido pelo Detran, identificando veículos com restrições (procurados, roubados, ou outro tipo de restrição de circulação)”, explicou o diretor de Engenharia de Trânsito da CMTT.

Licitação


A última fase da licitação foi aprova de conceito, que consistiu na instalação dos equipamentos para avaliar se a empresa estava apta a prestar os serviços. Os radares e lombadas – em fase de teste – foram instalados em toda a extensão da Avenida Brasil, a prova de conceito foi acompanhada pela CMTT. Após a aprovação dos testes e assinatura do contrato, a empresa tem 40 dias corridos para a instalação completa de todos os equipamentos previstos no edital.

O contrato terá duração de 12 meses, e pode se prorrogar por mais 60 meses (5 anos). O sistema de fiscalização eletrônica é totalmente seguro e blindado para evitar o raqueamento dos dados.

Fonte: www.anapolis.go.gov.br

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anúncio Barra Lateral Posts

Destaque