Connect with us

Brasil

Bolsonaro decide concorrer à Presidência pelo Partido Social Liberal (PSL)

O deputado federal Jair Messias Bolsonaro e o presidente do Partido Social Liberal (PSL), Luciano Bivar, assinaram um termo, na última sexta-feira (5), em que se comprometem a estar juntos na disputa à Presidência da República na eleição de 2018. O documento diz que o PSL “recebe Bolsonaro e sua pré-candidatura” e que o deputado “se sente abrigado pela legenda”.

Segundo a assessoria do deputado, trata-se de um pré-acordo de filiação. Hoje, o deputado ainda está filiado ao Partido Social Cristão (PSC).

Jair Messias Bolsonaro e o presidente do PSL, Luciano Bivar

No documento divulgado pala assessoria do deputado na última sexta-feira, Jair Bolsonaro e Lucia Bivar dizem que “são prioridade para o futuro do país o pensamento econômico liberal, sem qualquer viés ideológico, assim como o soberano direito à propriedade privada e a valorização das Forças Armadas e de segurança”.

O texto também diz que “ambos comungam também da necessidade de preservar as instituições, proteger o Estado de Direito em sua plenitude e defender os valores e princípios éticos e morais da família brasileira”. A nota também afirma que o PSL e Bolsonaro “serão um só” a partir de agora.

Confira a nota de acordo entre o partido e o deputado Jair Messias Bolsonaro:

O Presidente Nacional do partido Social Liberal/PSL, Luciano Bivar, e o Deputado Federal Jair Bolsonaro, comunicam aos órgãos de imprensa e a toda sociedade que estão juntos em defesa do projeto que irá mudar o Brasil a partir do próximo ano.

É com muito orgulho que o PSL recebe o deputado Jair Bolsonaro e sua pré-candidatura a Presidência da República. Outrossim, é com muita honra que o deputado se sente abrigado pela legenda, e muito à vontade em um partido onde existe total comunhão de pensamentos.

Tanto para o presidente Luciano Bivar, quanto para o Deputado Jair Messias Bolsonaro, são prioridades para o futuro do País, o pensamento econômico liberal, sem qualquer viés ideológico, assim como, o soberano direito a propriedade privada e a valorização das forças armadas e de segurança. Ambos comungam também da necessidade de preservar as instituições, proteger o Estado de Direito em sua plenitude e defender os valores e princípios éticos e morais da família brasileira.

Desta forma, e em consonância com os anseios da maioria dos brasileiros, serão um só, a partir de agora, os objetivos do Partido Social Liberal e os desejos de mudança do Deputado Jair Bolsonaro.

O Brasil acima de tudo, Deus acima de todos!

Recife, 05 de janeiro de 2018″

Historia do partido

Foi fundado em 30 de outubro de 1994, obteve registro definitivo em 2 de junho de 1998 já sob a presidência de Luciano Caldas Bivar e desde então vem disputando as eleições.

Sua ideologia original era o social-liberalismo, defendendo uma menor participação do Estado na economia, mas com o direcionamento total dos recursos arrecadados pelo Estado para a saúde, a educação e a segurança. Uma de suas bandeiras é a criação do Imposto Único Federal, eliminando os demais tributos da União, bandeira de Bivar em sua campanha presidencial, em 2006. Tem como presidente nacional Antônio Rueda, e como presidente de honra o deputado federal e ex-dirigente esportivo Luciano Caldas Bivar.

 

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anúncio Barra Lateral Posts

Destaque