Connect with us

Anápolis

Começa campanha de vacinação contra poliomielite e sarampo

“O que faz mal é a doença e não a vacina”. Com esse lema, a Prefeitura de Anápolis, por meio da Secretaria Municipal de Saúde inicia na segunda-feira, 6, a campanha de vacinação contra o sarampo e paralisia infantil (poliomielite). A imunização acontece até 31 de agosto nas unidades listadas abaixo e tem como público-alvo crianças com idade entre um e cinco anos incompletos.

O Dia D também está agendado. Será no sábado, 18, das 8h às 17h, em todas as unidades de saúde do município, exceto rede de urgência e emergência (Hospital Municipal, Cais Abadia Lopes e Jardim Progresso, e UPA). Haverá ainda um posto de vacinação na Praça Americano do Brasil. A Secretaria Municipal de Saúde lembra que é necessário levar o cartão de vacinas.

Todos os enfermeiros e técnicos de enfermagem envolvidos na campanha passaram por capacitação. Neste ano, o governo federal aproveitou a mobilização nacional contra a paralisia infantil, que sempre acontece em agosto, para também imunizar as crianças contra o sarampo, já que os casos da doença aumentaram no País. Inclusive, estados da região norte como Amazonas e Roraima, tiveram a vacinação antecipada. Segundo o Ministério da Saúde, esse aumento do vírus é explicado pela constante migração para o Brasil.

Outra preocupação é relacionada ao fato de muitas pessoas deixarem de se vacinar. Em algumas cidades, a imunização está abaixo da meta de 50% de sarampo e até da poliomielite, doença erradicada há anos no Brasil. “Há uma preocupação com esses casos. Por isso temos que conscientizar a população sobre a importância de se proteger”, ressalta o coordenador de Vigilância em Saúde, Júlio César Spíndola.

Sobre o Sarampo

A prevenção contra o sarampo é a tríplice viral, medicação injetável que que também protege contra a caxumba e a rubéola. O sarampo é transmitido através da fala, tosse, respiração e secreções expelidas pelo doente. Considerada uma doença infecciosa altamente contagiosa, ela se manifesta por manchas avermelhadas na pele que se iniciam no rosto e progridem em direção aos pés.

Outros sintomas também conhecidos são febre, tosse, mal-estar, conjuntivite, coriza, perda do apetite e manchas brancas na parte interna das bochechas. Além disso, o sarampo também compromete o funcionamento de diversos órgãos. O período de transmissão pode variar entre quatro e seis dias até o surgimento dos sintomas.

Sobre a paralisia infantil

A poliomielite, também conhecida como paralisia infantil ou simplesmente pólio, é uma doença grave que é provocada por um vírus que afeta o sistema nervoso e pode levar à imobilidade irreversível dos membros. A principal maneira de evitá-la é por meio da vacina que pode ser oral ou injetável, dependendo do cartão da criança.

Embora a imunização esteja disponível gratuitamente no Sistema Único de Saúde (SUS), o Ministério da Saúde alertou em nota que mais de 300 municípios brasileiros estão com cobertura vacinal abaixo do esperado, o que é um sinal vermelho para o risco de volta da doença, erradicada desde 1994 no País.

Campanha de vacinação contra o sarampo e paralisia infantil

6 a 31 de agosto (8h às 17h)

Vacinas nos seguintes postos:

Bairro JK

Jardim Guanabara

Parque dos Pirineus

Bairro das Bandeiras

Anexo Itamaraty

Bairro São Lourenço

Adriana Parque

Vivian Parque

Vila União

Jardim Arco Verde/Setor Sul

Vila Esperança

Bairro Calixtolândia

Bairro São Carlos

Bairro Recanto do Sol

Jardim Suíço

Vila Fabril

Bairro Jundiaí – Unidade de Saúde Dr. Ilion Fleury (Osego)

 

Dia D – 18 de agosto (8h às 17h)

Praça Americano do Brasil

Todas as unidades de saúde, exceto rede de urgência e emergência (Hospital Municipal, Cais Abadia Lopes e Jardim Progresso, e UPA)

Confira à entrevista com o Diretor de Atenção Básica do Município de Anápolis, Dr. Eduardo Lúcio Franco;

Fonte: ASCOM

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anúncio Barra Lateral Posts

Destaque