Connect with us

Esporte

Em sábado histórico da torcida, São paulo vence o Santos

Foi uma tarde de sábado (28) histórica e emocionante para a torcida tricolor! Da saída da delegação do CT da Barra Funda ao apito final no Pacaembu, os torcedores são-paulinos contagiaram o time e foram fundamentais na vitória sobre o Santos por 2 a 1! Com muita festa nas ruas e arquibancadas, que deixaram o clássico com atmosfera de decisão, o Tricolor bateu o rival e se distanciou das últimas colocações do Campeonato Brasileiro de 2017.

Marcos Guilherme, com um golaço de cobertura, e Cueva, após grande trama do ataque, balançaram as redes no confronto válido pela 31ª rodada – Alison descontou para os visitantes. A fantástica vitória no San-São fez a equipe saltar para o 11º lugar, agora com 40 pontos, enquanto aguarda o desfecho da rodada. No próximo final de semana, em Goiás, o Tricolor visitará o Atlético-GO em busca da trinca na competição nacional.

Para encarar os santistas, o técnico Dorival Júnior manteve a formação utilizada na vitória sobre o Flamengo (2 x 0) no último domingo (22). Dessa forma, o comandante escalou o time com Sidão; Éder Militão, Arboleda, Rodrigo Caio e Edimar; Jucilei, Petros e Hernanes; Cueva, Lucas Pratto e Marcos Guilherme. Já os santistas atuaram com Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Jean Mota; Alison, Matheus Jesus, Renato e Lucas Lima; Bruno Henrique e Ricardo Oliveira.

Morato e Wellington Nem (ambos com cirurgias no joelho direito), Lugano (processo de transição após contratura na panturrilha direita), Bruno (cervicalgia), Gilberto (processo de transição após se recuperar de uma contratura na coxa esquerda) e Maicosuel (processo de transição após se livrar das dores no músculo adutor direito), além de Brenner (disputou o Mundial Sub-17 com a Seleção Brasileira), não estavam à disposição.

Quando a bola rolou, o rival chegou ao ataque primeiro, mas o Tricolor levou perigo ao responder logo aos dois minutos: após jogada ensaiada, Hernanes apareceu de surpresa, subiu de cabeça na altura da marca de pênalti testou e sobre o gol de Vanderlei! A jogada levantou a torcida, que empurrou a equipe e contagiou os atletas.

E foi assim, incentivado pelo amor incondicional do torcedor, que o São Paulo abriu o placar aos 16 minutos: Hernanes fez lindo lançamento, nas costas da defesa, e deixou Marcos Guilherme cara a cara com o arqueiro adversário. Com categoria, o atacante encobriu o goleiro e marcou um verdadeiro golaço no Pacaembu! 1 a 0 em lance de genialidade dos jogadores são-paulinos.

Melhor no jogo e sem deixar os visitantes avançarem contra a meta de Sidão, o Tricolor manteve a pressão e ampliou pouco depois, aos 21: Cueva fez linda jogada, tabelou com Pratto e apareceu para receber mais um passe perfeito de Hernanes! Na saída de Vanderlei, o peruano tocou por baixo e fez 2 a 0! Grande trama do sistema ofensivo, e festa nas arquibancadas!

Aos 33, o Santos descontou com Alison e esboçou uma reação antes do intervalo. Porém, o time são-paulino retomou o controle do jogo e criou boas oportunidades para tentar anotar o terceiro gol e, consequentemente, ter mais tranquilidade. A defesa santista conteve o ímpeto dos mandantes, e a primeira etapa terminou 2 a 1.

Na volta para o segundo tempo, o confronto se manteve equilibrado: os visitantes tentavam empatar, enquanto o Tricolor buscava as jogadas na frente. Aberto, o clássico contou com muita entrega das duas equipes, que atuaram em busca do gol. Aos 32, as redes não balançaram novamente por pouco: em contragolpe, Petros recebeu de Pratto pela direita e bateu firme. A bola explodiu na trave!

Nos instantes finais, bem postado defensivamente, o São Paulo atuou com sabedoria para administrar a importante vitória no San-São. A torcida, sempre ao lado do time, cantou alto até o apito final e foi fundamental no triunfo que decretou o segundo resultado positivo consecutivo da equipe na competição nacional! Um sábado tricolor! Um final de semana especial para o torcedor são-paulino, que viu o time se distanciar das últimas colocações.

Fonte: São Paulo
Edição: Richelson Xavier

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anúncio Barra Lateral Posts

Destaque