Connect with us

Brasil

Corpus Christi – O corpo de Cristo

Corpus Christi é uma celebração que significa a comunhão entre Deus e as pessoas

O papa Urbano IV instituiu no século XIII a celebração de corpus christi originada da necessidade que a igreja via de consagrar a “presença real” do corpo de cristo, simbolizado pelo pão ázimo e o vinho, um ato que representa a comunhão com Deus. O Papa Urbano IV instaurou essa prática com a Bula ‘Transiturus’ de 11 de agosto de 1264, nela havia a orientação de que o corpus christi deveria ser celebrado na quinta-feira após a Festa da Santíssima Trindade, que acontece no domingo depois de Pentecostes.

O corpus christi é uma celebração católica de preceito, ou seja, nesse dia é obrigatório que o cristão católico vá a missa. A Eucaristia é um dos sacramentos que, de acordo com a fé cristã, foi instituído na Última Ceia. O livro sagrado cristão apresenta a orientação da Eucaristia: “Este é o meu corpo. Isto é o meu sangue. Fazei isto em memória de mim”.

A solenidade do mistério da Santíssima Trindade que apresenta o conceito de um Deus em três pessoas: Pai, Filho e Espírito Santo, foi celebrada no último domingo. A igreja católica usa a referência “mistério” com o sentido de que a existência de Deus não pode ser plenamente compreendida pelas pessoas. Por isso é necessário a transfiguração em algo mais acessível, uma manifestação que se assemelha mais ao que se pode entender por existência.

A respeito de Pentecostes a igreja católica define: “No dia de Pentecostes (no fim das sete semanas pascais), a Páscoa de Cristo se realiza na efusão do Espírito Santo, que é manifestado, dado e comunicado como Pessoa Divina: de sua plenitude, Cristo, Senhor, derrama em profusão o Espírito”.

Corpus Christi é considerada uma das principais datas do calendário cristão, mas apenas os católicos o celebram. Os evangélicos não comemoram o Corpus Christi porque para eles o Corpo de Cristo é a própria Igreja. Mas em algumas vertentes protestantes também são celebradas ceias que simbolizam a comunhão entre os fiéis e Jesus Cristo.

Geralmente os serviços param durante essa data, mas não é feriado de acordo com a lei como explica a página Jus Brasil, mas um ponto facultativo: “O dia em questão não é considerado dia útil para fins de operações no mercado financeiro, portanto, os bancos fecham na mencionada data. Os governos federal, estadual e municipal, podem, também, declarar o mencionado dia como ponto facultativo nas repartições públicas. O fato faz com que muitas empresas privadas cogitem a folga, de forma equivocada, uma vez que os feriados nacionais estão expressamente previstos na Lei nº 10.607/2002 e Lei nº 6.802/1980, as quais declaram feriados nacionais os dias 1º de janeiro, 21 de abril, 1º de maio, 7 de setembro, 12 de outubro, 2 de novembro, 15 de novembro e 25 de dezembro.”

A Arquidiocese de Goiânia se prepara para realizar atividades na data, foi anunciado na página que haverá além da festa um momento direcionado aos sacerdotes: “Na próxima quinta-feira, 15, às 14h30, acontece o Encontro com os Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão Eucarística, estendido, este ano, também aos ministros da Palavra. Será um momento de adoração e reflexão sobre a Eucaristia, que vai acontecer na Paróquia Universitária São João Evangelista, na Praça Universitária. Após o término do encontro, os ministros vão descer em procissão até a Praça Cívica, onde participarão da Festa de Corpus Christi”.

Tapete de Corpus Christi

Todos os anos fiéis realizam o trabalho artesanal de construir um tapete como parte da procissão da festa de Corpus Cristi. Os tapetes são confeccionadas de serragem, borra de café, farinha, casca de ovos, areia, folhas, flores, entre outros materiais. Essa iniciativa é uma expressão de fé para com a Santíssima Eucaristia. A confecção de tapetes. Não tem caráter de penitência ou pagamento de promessas. É uma manifestação popular de adoração.

A passagem pelo tapete tem um significado. O ostensório, peça de ourivesaria usada em atos de culto da Igreja Católica Apostólica Romana para expor solenemente a hóstia consagrada, que armazena o Corpo de Cristo na hóstia, é carregado pelo sacerdote por essas ruas enfeitadas, e os fiéis só podem pisar nesses desenhos após a passagem do padre. É uma representação de que Jesus anda por ali e é recebido com um belo tapete pelas ruas da cidade.

Papa Urbano IV

1-2

Foi o Papa número 182 da Igreja Católica . Ele nasceu em Troyes, França e morreu em Perugia. Seu nome original era Jacques (Santiago) Pantaléon (Pantaleoni). Ele estudou em Paris , foi cânone de Laon e arcediago de Liège . Em 1253, foi nomeado bispo de Verdun e em 1255 patriarca de Jerusalém em tempos de grande calamidade para os cristãos da Terra Santa . Ele foi eleito Patriarca de Jerusalém, apesar de não ser um cardeal ou de nascimento nobre. Seu pontificado durou três anos, um mês e quatro dias.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anúncio Barra Lateral Posts

Destaque